SCM Music Player - seamless music for your Website, Wordpress, Tumblr, Blogger.

e foi assim...

A gente se apertou um contra o outro.
A gente queria ficar apertado assim porque nos completávamos desse jeito, o corpo de um sendo a metade perdida do corpo do outro.

eu: vem, amor... vamos dormir.
ele: não. não, agora...
eu: porque não?
ele: porque eu gosto de te ver dormindo...
eu: agora me deixou com vergonha!
ele: não precisa. fecha os olhos e esquece do mundo
eu: ta certo.

me beijou
me virei
acariciou minhas costas e disse que me ama.

O que é a saudade?

Definam esse sentimento, por favor...
Não é simplesmente sentir falta
De alguém, de algum lugar, de algo!
Por que sentimos tanto essa falta?
São perguntas que vem e vão,
Se  desfazem e refazem,
Enquanto vou sentindo essa dor...
Uma leve dor...
Que me faz levantar no meio da noite
Que me desperta o pensamento,
Para relembrar momentos que não voltam,
Pessoas que se foram,
Amigos perdidos nesse mundo de luzes e sombras,
Coisas que já não tenho comigo.
Um sublime aperto no peito...
Que fazem pequenas gotículas,
A se formarem em meus olhos,
Refletirem o brilho fosco da ausência.
Entre a paz e a guerra de ausencia e presença,
Um coração aflito pede mais alguns minutos...
Naquele lugar,
Naquele dia,
Naquele clima...
Com aquela pessoa,
Entre beijos apaixonados,
Ou abraços calorosos fraternais,
Ou, apenas, olhares de cúmplices desconhecidos...
Saudade...
Simplesmente Saudade...
Expliquem-me o que é por favor!

como tem que ser

Tomara que a gente não desista de ser quem é por nada nem ninguém deste mundo.
Que a gente reconheça o poder do outro sem se esquecer do nosso.
Que as mentiras alheias não confundam as nossas verdades.
Que, mesmo quando estivermos doendo, não percamos de vista, nem de sonho, a idéia da alegria.
Que apesar dos pesares, a gente continue tendo valentia suficiente para não abrir mão de se sentir feliz.

Pequenina

Sou pequenina. Tão pequenina como uma chuva fina que quase não molha, e só fui perceber o quão minúscula sou, quando me deparei com a solidão. Me perdi em devaneios, e as divagações nada curtas me levaram a um lugar onde eu nem mesmo me conheço. Me senti pequena assim, por ser pequenina perto de tantas pessoas grandes de coração. Pessoas grandes, que se tornam cada vez maiores a cada dia, a cada amor, a cada sorriso. Eu sou daquelas que a cada dia se torna ainda menor. Menor a cada sorriso não dado, a cada amor perdido no tempo, a cada coisa pequena que me torna ainda menor.É, eu sou pequenina, e fiquei ainda mais quando me senti grande. Quando achei que era a maior dentre todas as pessoas grandes. Mas eu não falo de tamanho não, falo de ser pequena de coração, pequena de querer bem... Mas não vou continuar, porque nisso, eu acho que sou um tanto quanto grande. Ou quem sabe, quase chego lá a cada dia.

Responsabilidade

contraditoriamente, tantas vezes,
ainda insisto em conseguir me enganar
em aceitar
mas logo após uma singela e simples reflexão
enquanto tentava entender
enfrento a atual maior verdade que eu pude produzir
e esqueço o que sempre disseram
e a afirmo como outra insanidade que me dediquei acreditar
meus heróis não me deixam mentir
e, ai de mim, quando assim não mais o for
meus heróis não me deixam mentir,
ai de mim, quando não mais assim o for...



Sonho

Um sonho é um pedaço
Da nossa ilusão,
Um sonho é um pedaço
Da nossa resolução...

Sonhar é dar alma
À nossa imaginação,
É dar rumo à nossa vida
Que espera uma resposta a qualquer questão!

Sonhamos para sobreviver
Para criar objectivos de vida
Sonhamos para não morrer
E ficar numa rua esquecida!

Sonhamos para nos iludirmos
De que há algo mais a conquistar!
Por vezes, conseguimos
Por vezes, deixamo-nos derrotar!

O que importa é conseguir
Erguer os braços e lutar
Não só pela realidade
Mas por qualquer sonho que pode chegar!

Ser infeliz não é resposta
Que o sonho queira ter
Saber ultrapassar a infelicidade
É o sonho de qualquer ser!

Não basta sonhar
Há que ser paciente
E saber avançar
A uma meta permanente!

Não basta sonhar
Há que saber levar o sonho ao real
E não abandonar
Um sonho sensacional!

amor...

"Não te preocupa. O que acontece é sempre natural. Se a gente tiver que se encontrar, aqui ou na China, a gente se encontra". 

c.f.a.

E desde então, sou porque tu és
E desde então és
sou e somos...
E por amor
Serei... Serás...Seremos...


Amo-te, amor meu

desejos

Vejo os teus olhos pequenos, me despindo. Meus olhos de desejo te chamam.. E você vem..
Por alguns instantes esqueço completamente de onde estamos, me entrego a você sem receio, sem medo e sem vergonha.
Me dou pra você por completa, e você é meu, você é meu menino. Eu faço todas as tuas vontades. Assim somos completos, dois malucos, dois incansáveis.
As horas avançam, a chuva cai lá fora, o único som que fica nítido nos meus ouvidos é a tua voz me chamando por nomes impróprios, é o som da tua respiração ofegante nos meus ouvidos, é a voz do teu desejo me convidando ao paraíso..
Te mordo, te aperto, te puxo pra mim..
Minha pele molhada pelo teu suor, enfim pede descanso, mato minha sede na tua boca, e esqueço do mundo deitada no teu colo..


ora bolas!

Me pergunto porque as pessoas não entendem, não enxergam o quanto vc é importante pra mim. Você me faz sorrir, me faz viver, me faz sentir que hoje foi melhor que ontem e amanhã vai ser melhor que hoje é pelo fato de estar comigo.
Não importa as muralhas que surgem no caminho da vida, você me faz não acreditar, mas saber que vou ultrapassá-las. Acordo todos os dias e posso sentir que você é maior dentro de mim a cada segundo que passa.
Eu posso fechar meus olhos onde quer que eu esteja, seja a hora que for, e vê-lo, posso deitar a noite e saber que você está ao meu lado e saber que quando o sol se levantar de manhã você ainda estará ali. Me faz perceber que a frase eu te amo parece insuficiente para descrever o que sinto, ainda que amor seja o que estar em mim. Você me completa, me fazer sentir o verdadeiro significado da felicidade.
Mesmo que eu te amo não seja o suficiente, ainda sim eu te amo, e te amo muito! E nem me importo se as pessoas não entendem... O que importa é que você estará no meu coração, sempre.

O Tempo

A gente se deu tão bem
Que o tempo sentiu inveja
Ele ficou zangado e decidiu
Que era melhor ser mais veloz e passar rápido pra mim
Parece que até jantei
Com toda a família e sei
Que seu avô gosta de discutir
Que sua avó gosta de ouvir você dizer que vai fazer

O tempo engatinhar
Do jeito que eu sempre quis
Se não for devagar
Que ao menos seja eterno assim

Espero o dia que vem
Pra ver se te vejo
E faço o tempo esperar como esperei
A eternidade se passar nos dois segundos sem você
Agora eu já nem sei
Se hoje foi anteontem
Me perdi lembrando o teu olhar
O meu futuro é esperar pelo presente de fazer

O tempo engatinhar
Do jeito que eu sempre quis
Distante é devagar
Perto passa bem depressa assim

Pra mim, pra mim
Laiá, lalaiá

Se o tempo se abrir talvez
Entenda a razão de ser
De não querer sentar pra discutir
De fazer birra toda vez que peço tempo pra me ouvir
A gente se deu tão bem
Que o tempo sentiu inveja
Ele ficou zangado e decidiu
Que era melhor ser mais veloz e passar rápido pra mim

Eu que nunca discuti o amor
Não vejo como me render
Ah, será que o tempo tem tempo pra amar?
Ou só me quer tão só?
E então se tudo passa em branco eu vou pesar
A cor da minha angústia e no olhar
Saber que o tempo vai ter que esperar

E o tempo engatinhar
Do jeito que eu sempre quis
Se não for devagar
Que ao menos seja eterno assim

Móveis Coloniais de Acaju

O vento no seu rosto, histórias pra contar
Muito forte, lá no alto
Sempre vão brilhar
Milhões de estrelas coloridas
Rumo ao infinito
Tudo faz sentido
Vai ser bem melhor
O que te faz chorar
Amanhã já te faz rir

não importa...

Não importa a queda, o salto, a caminhada,
a largada, a corrida, a distância.
Não importa onde a estrada acaba ou onde começa o caos.

 Minha paz particular tem nome, cheiro, presença...
Tem também o sorriso mais lindo do mundo.

Susto

Um não, às vezes um "não sei"
Janela, madrugada, luz tardia
E o medo nos acorda

Pára e bate o coração
Em pura disritmia
O medo amedronta o medo
Vela, madrugada, dia,
Assim como a saudade
Ou uma frase perdida

Durma, Medo Meu
Durma, Medo Meu

voltar no tempo...



era só o que eu queria fazer agora.

:'(

Pela primeira vez, ele foi embora de verdade.
Pela última vez, ele foi embora

Renda-se, como eu me rendi.
Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei.
Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento. 

Clarice Lispector

Se...

"Mas se eu tivesse ficado, teria sido diferente?
Melhor interromper o processo em meio: quando se conhece o fim, quando se sabe que doerá muito mais -por que ir em frente?
Não há sentido: melhor escapar deixando uma lembrança qualquer, lenço esquecido numa gaveta, camisa jogada na cadeira, uma fotografia –qualquer coisa que depois de muito tempo a gente possa olhar e sorrir, mesmo sem saber por quê.
Melhor do que não sobrar nada, e que esse nada seja áspero como um tempo perdido.Eu prefiro viver a ilusão do quase, quando estou "quase" certa que desistindo naquele momento vou levar comigo uma coisa bonita.
Quando eu "quase" tenho certeza que insistir naquilo vai me fazer sofrer, que insistir em algo ou alguém pode não terminar da melhor maneira, que pode não ser do jeito que eu queria que fosse, eu jogo tudo pro alto, sem arrependimentos futuros!
Eu prefiro viver com a incerteza de poder ter dado certo, que com a certeza de ter acabado em dor. Talvez loucura, medo, eu diria covardia, loucura quem sabe!"


c.f.a.

e s p e r a . . .

Bom, feliz talvez ainda não. Mas tenho assim... aquela coisa... como era mesmo o nome? Aquela coisa antiga, que fazia a gente esperar que tudo desse certo, sabe qual?
— Esperança? Não me diga que você está com esperança!
— Estou, estou.




te amo, amor 


Porcos com asas

Palavras obscenas sussurradas no seu ouvido. Enquanto o suor escorre de nossos corpos. Quanto vale o amor? Qualquer preço! Qualquer vida... Não Tem preço!!!
Rosnar como animais que somos, perder todo tipo de moral. Fazer das palavras ações. Nossa vida, orgasmos liberados, criando agora nossas realidades, existe algo mais a fazer além disso? Não tenhas medo, pois de você, de mim, do mundo, da vida quero pouco... apenas tudo! Roubar-te sempre e destroçar o tempo, quebrar os relógios e assim acabar com o controle. Tempo eterno se transforma este instante de magia e quando pedes para sentir meu cheiro, na boca o beijo do desejo que só depende de nós.
No céu com vendas nos olhos, coração aberto, corpos em chamas, vivendo como porcos com asas


Sublimação

Manhãzinha... era tua voz que me acordava.
Não eram os passarinhos.
Estes vinham depois...


Meio dia... era teu calor que me queimava.
Não era o sol.
Este vinha depois...


Tardezinha... era teu olhar que me iluminava.
Não eram as estrelas.
Estas vinham depois...


Meia noite...era teu beijo que me esperava.
Não era o sono.
Este vinha depois...


Te amo, amor

"Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato... Ou toca , ou não toca ".
Clarice Lispector


e eu te entendo, leãozinho.

Manda-me um beijo
De carona com o vento
Manda-me um beijo
De tempo em tempo,
Que espero ansiosa
Na estação amor.

Acordo no meio da noite e olho o meu amado
Passo a mão em seu cabelo embaraçado pelo sono
Afago seu corpo enrodilhado a ressonar
E beijo seu rosto que me delicia.
E em mim
O desejo de mulher que só te quer acordar
E te deixo dormir, envolto em sonhos.
Amanhã hás de me amar!
Paciencia...

que droga...

Ou não querer e ter. Ou não querer e não ter. Ou querer e ter. Ou qualquer outra enfim dessas combinações entre os quereres e os teres de cada um, afligia tanto...

pra não te esquecer

guardei todos os beijos e carinho que vc me deu
guardei todos os sentimentos de felicidade
sim, eu guardei.
guardei no meu baú de tesouros todas as lembranças boas
guardei tudo, tudo só pra mim


porque o que é bom
a gente guarda

nhaaa...

Você pode até me me acusar de falar palavras nunca ditas por mim, que eu não me importo.
Você pode até investigar meus livros, e achar uma coisinha que possa me prejudicar, mas eu não me importo.
Você pode até falar coisas sem fundamentos e argumentação, só pra descontar todo seu frustamento em cima de mim, mas nada disso me importa.
Pode até rir de coisas, quando na verdade morre de vontade, mas nada disso me importa, sabe por que? Por que eu te amo leãozinho, amo muito.

E assim, aos poucos, ela se esquece dos socos, pontapés, golpes baixos que a vida lhe deu, lhe dará.
A moça levanta e segue em frente.
Não por ser forte, e sim pelo contrário...
Por saber que é fraca o bastante para não conseguir ter tristeza no seu coração, na sua alma, na sua essência.

saudade

Saudade não é a falta de uma pessoa, um lugar, um destino, o passado.
Saudade é a falta que sentimos quando já chegamos onde deveríamos.


Saudade de você, meu leãozinho..

Porque eu sei que é amor
Eu não peço nada em troca
Porque eu sei que é amor
Eu não peço nenhuma prova

Mesmo que você não esteja aqui
O amor está aqui
Agora

Mesmo que você tenha que partir
O amor não há de ir
Embora

Eu sei que é pra sempre
Enquanto durar
E eu peço somente
O que eu puder dar

aqui dentro tem um eu querendo sair. duvida cruel, mando ficar ou deixo sair?

Assim é como se deve viver, sair adiante por nós, é a única coisa que nós temos.
As vezes é preciso mudar suas atitudes em relação a algumas coisas.

Make my day

 ♫


Day by day
You make my day
Parar por um segundo e ouvir a sua própria respiração
Sentir o perfume das rosas do jardim da vizinha
Tocar em objetos e sentir cada detalhe
Cada linha do seu dedo
Tomar banho de chuva no verão
Ver as estrelas e descobrir novas constelações
Sentir o vento refrescar o seu rosto
As folhas voando numa tarde de outono
Ouvir uma música
E sentir ela navegando no seu corpo
Day by day
You make my day
Make my day



"Chega uma certa idade em que as coisas ficam claras na sua cabeça e depois disso, você nunca mais se recupera."

Penso nos breves momentos que tivemos e gostaria de modificá-los: meu jeito estranho, as coisas não ditas...
Não lembro só do seu nome, como do timbre da sua voz, o toque das suas mãos, o calor do teu corpo, do jeito só seu de me amar.
Lembro também da sua risada, do seu olhar, olhar que me despia, olhar que conseguia me ler, me decifrar, descobria meus disfarces, olhar que me inundava desarmando qualquer tentativa inútil de fazer você não notar que eu estava totalmente nas suas mãos.


saudades disso tudo

Algumas vezes faço muito mal para pessoas que me amam.
Sou tão talvez neuroticamente-individualista..
É preciso acabar com esse medo de ser tocada lá no fundo..

leãozinho.. :D

É... muitos meses, dias, horas, minutos e até segundos foram contados para o tão esperado momento. Ainda é difícil acreditar que hoje mesmo eu acordei aí, do seu lado. Te vi acordar, dormir e rir. Parece até que eu só tive uma longa noite de sono onde tive um sonho lindo e perfeito. Te amo

Se você encontrar um caminho sem obstáculos, ele provavelmente não leva a lugar nenhum...

é isso...

tem dias que eu queria ser mais menininha;
tem dias que eu queria ser mais educada;
tem dias que eu queria ser mais bem humorada;
tem dias que eu queria ser menos debochada;
menos crítica;
menos chata;
mais carinhosa;
um pouco menos sincera;
um pouco menos inteligente.

Meus pés trocam o chão por degrau
Pois é alto alcançar seus dedos
Sempre a apontar
A direção do meu lugar

Sou pequenina e também gigante
Vem, cara, se declara
O mundo é portátil
Pra quem não tem nada a esconder
Olha minha cara
É só mistério, não tem segredo
Vem cá, não tenha medo
A água é potável
Daqui você pode beber

carpe diem

Talvez possamos um dia nos arrepender do que fizemos...
Mas o arrependimento é sinal de que não tivemos medo de tentar...
E daí se as coisas não deram certo como deveriam...
E daí se não era bem o que queríamos?
E nossa vida segue... para tentarmos e errarmos muitas vezes...
Isso é viver e aprender

Eu quero tentar apenas contigo



Está chegando a hora meu amor...

O meu amor

O meu amor não é aquele que sempre sonhei,
É mais que um simples sonho construído
É um sonho de amor acordado
Que beija a minha pele ao amanhecer
E declama verdades ao anoitecer.
Verdades que formam a nossa poesia
Porque de verdade é feito o nosso sonho de amor acordado.

O meu amor é como um pássaro revestido de mel
Que pousa sobre meus lábios desnudos,
Os encoberta com o seu sabor
E volta a voar sem pudor.

O meu amor não é aquele que sempre pedi,
É mais que uma complacência falácia ou uma fé piegas.
Ele me concede mais do que clamei,
Surpreende-me mais do que pensei,
Ama-me mais que o necessário ao meu ser.

O meu amor entende o meu silêncio ausente
E como uma amante quente
Excita-me calada para que eu volte
Da dor da viagem da mente

O meu amor não é aquele cordial
É um tanto laico, por sinal,
Pois é mais que belas maneiras e boas palavras,
É o amor na sua pureza e no seu primitivismo.
Ama com a dor de não entender o que ama
E com a beleza de se entregar ao desconhecido.

O meu amor não é aquele que imaginei,
É mais do que indaguei,
É mais que do que supliquei,
É mais do que esperei,
É bem mais do que sei.

Sendo assim, nada do que eu disser,
É o bastante para o meu amor que é sem fim.
Posto que tudo que há em mim,
É pouco para esse Ser,
Que me invadiu, inundou-me e pronto e fim



"como seria tão bom se pudéssemos nos relacionar sem que nenhum dos dois esperasse absolutamente nada"


all star

Estranho seria se eu não me apaixonasse por você
O sal viria doce para os novos lábios
Colombo procurou as índias mas a terra avistou em você
O som que eu ouço são as gírias do seu vocabulário

Estranho é gostar tanto do seu all star azul
Estranho é pensar que o bairro das laranjeiras
Satisfeito sorri quando chego ali e entro no elevador
Aperto o 12 que é o seu andar não vejo a hora de te reencontrar
E continuar aquela conversa
Que não terminamos ontem ficou pra hoje

Estranho mas já me sinto como um velho amigo seu
Seu all star azul combina com o meu preto de cano alto
Se o homem já pisou na lua, como eu ainda não tenho seu endereço
O tom que eu canto as minhas músicas para a tua voz parece exato

Estranho é gostar tanto do seu all star azul
Estranho é pensar que o bairro das laranjeiras
Satisfeito sorri quando chego ali e entro no elevador
Aperto o 12 que é o seu andar não vejo a hora de te reencontrar
E continuar aquela conversa
Que não terminamos ontem ficou pra laranjeiras
Satisfeito sorri quando chego ali e entro no elevador
Aperto o 12 que é o seu andar não vejo a hora de te reencontrar
E continuar aquela conversa
Que não terminamos ontem, ficou pra hoje



(já sou tão de ti e tu de mim

em pouco tempo assim,

isso se chama ♥)


menina-esponja

"Assim de repente parece que perdi a alma."
disse ela como se fosse outro. e era na altura.
era eu, que estava fora de mim, e era preciso que eu fosse alguém
porque sem eu não existo.

uma canção ao eu sem mim
que sou eu sempre
sem sequer ser eu a original
mas outra Pessoa pretendida
ou encontrada
ou mal amanhada,
tanto faz.

o eu que me conhecem,
e que conheço também,
é uma série de eles
coleccionados
desmontados
transformados
líquidos,
como é do conhecimento geral.
o eu que fica quando estou fora de mim,
ah como odeio o seu riso agudo,
é como uma esponja transformada em tijolo.
menina-esponja.
se não fosse um tijolo até me podia rir, eu.
em vez disso ri-se este riso agudo e odiado
de tijolo, cor de tijolo, duro de tijolo, terra de tijolo, lama sólida e concretizada e oca!

eu quero água!
que inunde, derrube, destrua, derreta, arraste, lave, revigore!
um eu que seja eu
sem ser este eu que ouve dizer que assim de repente, parece que perdeu a alma
quero uma esponja pra mim.

é..

[...] O amor é engraçado. Você, que ama, sabe disso. Você, que ainda não ama e está super querendo, saberá. Tirando aquele blablablá romanticamente meloso e gostoso, o amor é prova de fogo. Ele nos testa diariamente. A outra pessoa, como o nome já diz, é uma pessoa. Se veste com qualidades, mas usa inúmeros defeitos como acessórios diários. Você os vê todos os dias. E gosta. O outro pode roncar, deixar a torneira aberta, esquecer a hora, perder o rumo. Mas você fica, tem algo muito maior do que você e o outro que grita é-preciso-ficar. Questão de necessidade misturada com vontade. Porque quando você ama sente necessidade da outra pessoa. Não por dependência, carência e outras ências. Mas porque é bom estar ali, com o corpo junto, coração do lado, ouvindo a respiração naquele baile pé-pra-cá-pé-pra-lá. Você se sente de casa, abre a geladeira, coloca os pés em cima do sofá, você se sente renascido dentro daquele sentimento.

Clarissa Corrêa

tem que ser assim...

Sedule curavi humanas actiones non ridere,
non lugere, neque detestare, sed intellegere.
SPINOZA

Suicídio


Hoje é suicídio.
Deixar a vida, deixar o mundo, deixar tudo.
Busquei o amor, provei o rancor, em nunhum lugar encontrei a imagem que sou eu.

Hoje deixei de existir. Não há registros de mim.
Vou para um lugar que ao menos na terra o buraco me reconheça.

A lápide se encarregará de contar a história de uma sombra no mundo e será revelada a face da morte:
A vida fugaz.

Senhor Bengala




eu sempre vivi observando esse homem dentro do ônibus...
confesso que até tinha medo dele, pelo seu jeito de vestir, andar e falar!
de tanto observar, percebi que ele usa três relógios, não larga sua bengala e sempre ia para o mesmo lugar.

daí comecei a me perguntar porque eu andava tão apressada, e esse homem, que usa três relógios nem ligava tanto para o tempo.
porque eu ficava agoniada ao ficar tanto tempo em pé e ele fazia questão de ficar em pé, apoiado em sua bengala.
porque eu fazia de tudo pra sentar no ônibus e ele só sentava no ônibus quando tinham dois lugares vagos: um pra ele e outro pra sua mochila.

me fiz tantas vezes essas perguntas, que virou questão de honra saber as respostas!

então fui à luta! :D
fiz questão de sempre apanhar o mesmo ônibus que ele!

descobri que dois dos seus relógios são atrasados e o outro é parado,
dentro da sua mochila tem um livro, um quadro e uma camisa dos anos 60, talvez pertences de entes queridos.
e por incrível que pareça, sua bengala é um guarda-chuva, porém quando chove ele realmente usa uma bengala!

continuo a procurar uma explicação para tudo isso...

transe

têm sido mais rápidas
minhas tardes
de condenada

o tempo pára
no pôr-do-sol do mesmo dia

são os deuses
brincando de guache com minha
angústia

eu dispenso este hiato
exibicionista

eu quero a escuridão
e a desordem dos meus olhos
no cubismo das tuas costas

só pra ver

a cara do tempo
querendo passar
naquele brilho

Priscila Lima

Minha foto
priscila♥
cachinhos, óculos, camiseta, jeans apertado, tênis, mochila, câmera, tintas, alargadores, feminismo, veganismo, skate, hardcore, straight edge, lover, fotógrafa, graffiteira e louca
Visualizar meu perfil completo

seguidores

Blog contents © Priscila Lima 2011